Cotidiano Masculino

Posts tagged corpo

Corpo e Bem Estar

7 erros na musculação que prejudicam o crescimento muscular

Se você é um iniciante na vida fitness é fácil cair em hábitos de treino ruins, especialmente quando você não sabe o que está fazendo. Mas quando suas calças começam a ficar mais apertadas e o número da balança começa a se mover na direção errada, pode ser hora de reavaliar o treino e alimentação.

E para dar uma ajuda, conversei com o preparador físico Fábio Aquino e preparamos uma lista com os 7 erros mais comuns na musculação que acabam com seu resultado. Dá só uma olhada!


Fazer mais sequências para ganhar mais músculos


Malhar muito pode provocar uma overdose de treinamento, o que causa esgotamento e ainda ajuda a perder massa muscular. No momento do treino, o corpo libera testosterona, insulina e hormônio do crescimento. Todos estimulam o crescimento muscular. Porém, ao mesmo tempo, o corpo libera cortisol, um hormônio que pode também atrapalhar a capacidade do corpo de usar a proteína de forma adequada, o que interrompe o crescimento muscular.

 


Achar que, para o músculo crescer, é preciso sentir que ele está “queimando”


Para obter hipetrofia muscular, muitos pensam que é preciso fazer repetições até a dor se tornar insuportável, o que é um erro. A dor sentida é causada pela liberação de ácido lático que, em pequenas quantidades, desencadeia o que é chamado de cascata anabólica, um punhado de hormônios que estimulam o crescimento. Quando em excesso, ele proporciona o efeito contrário, detém o crescimento e ainda causa rupturas no músculo.

 


Perder tempo com exercícios errados


Outro mito é achar que só mudando com frequência as sequências de treinamento se obtém hipertrofia. Executar os mesmos tipos de movimentos todas as semanas fazem a força aumentar em alta velocidade. Assim o corpo ganha massa muscular mais depressa do que o esperado.Geralmente, iniciantes cometem alguns erros na musculação básicos que são corrigidos ao longo do tempo. Porém, não é difícil encontrar pessoas que treinam há mais tempo e cometem erros fatais para o progresso na musculação.

 


Levantar peso sem respeitar os limites do corpo


Levantar peso sem limites é prejudicial e a maioria dos levantadores de peso não tem a menor noção de qual a maneira mais adequada de fazer esse tipo de exercício, podendo até causar lesões.

 


Se exercitar com estômago vazio


Malhar com o estômago vazio não só não queima mais gordura, como muitos acreditam, mas é provável que sabote seus esforços por acabar com sua energia. Consumir um lanche pré-treino, na verdade, dá-lhe energia, alimentando o seu exercício.

 


Beber pouca água


A água é a solução mais importante de nosso corpo. Praticamente todas as reações químicas que ocorrem, se baseiam na presença de água. Neste sentido, é muito importante que você mantenha uma boa ingestão de água durante todo o dia, para que a recuperação e seu treino ocorra de maneira correta.

 


Esperar resultados imediatos


Os resultados reais não vão acontecer de uma hora para outra. Consistência e trabalhando corretamente para o seu tipo de corpo e metas específicas é o único caminho.

 

O que acharam das dicas? Lembrem-se que ao treinar é super importante ter o acompanhamento de um profissional para evitar que você faça os exercícios incorretamente e acabe se machucando 😉

Agora é só treinar e ir atrás dos seus objetivos!

Testei

Como fazer: creme rejuvenescedor milagroso

Hoje em dia, tanto os homens como as mulheres, estão investindo cada vez mais em cosméticos. Seja cremes para simplesmente hidratar a pele ou até mesmo para diminuir acnes, marcas de expressão e rugas.

Com a crise financeira, fica cada vez mais difícil separarmos um dinheiro extra para investir em produtos para o cuidado com a pele, não é mesmo?

Por isso vou ensinar vocês a fazer um creme rejuvenescedor milagroso que, além de ser super eficaz, custa super barato!

Pega papel, caneta e aperte o play! 😉

Super fácil de fazer, não é?

Espero que tenham gostado! Em breve volto com mais dicas para vocês 🙂

Corpo e Bem Estar

Os benefícios da Meditação

Você já meditou hoje? Poucos sabem, mas a meditação é algo super fácil e todos podem fazer.

Meditar nada mais é do que se observar. Observar os próprios pensamentos e desenvolver pouco a pouco essa postura de ser observador. Na correria do dia a dia, somos “forçados” a pensar e tomar decisões quase que de imediato. Imagina como seria se você ao invés de tomar decisões no impulso, apenas parasse e observasse a situação?

Pode parecer difícil de entender, mas o silêncio pode te ajudar a resolver muitas situações. Sabe por quê? Porque quando observamos esse problema ele se torna menor e surgem diversas alternativas para resolvê-los.

Com o exercício da meditação é possível observar mais a mente e a solução dos problemas do dia a dia.

Muitas pessoas desistem da meditação por esperarem conseguir essa calma interna ou uma mudança muito drástica na primeira vez que realizam a meditação. Isso não acontece. Acreditem, para meditar é preciso de prática. Você tem que repetir diversas vezes para alcançar um estado de auto conexão.

É muito importante ter um objetivo ao sentar para meditar: auto conexão, tranquilidade, conexão com algo maior, autoconhecimento, tratamento para ansiedade e depressão. Esse objetivo vai te auxiliar a criar a rotina, pois irá experimentar pouco a pouco a sensação da meditação.

Você tem interesse em meditar, mas não sabe como começar essa prática? Atualmente existem diversos livros e até vídeos no youtube contando mais detalhes sobre meditação.

O Instituto Itankale, por exemplo, lançou recentemente o livro virtual “Desmistificando a meditação” que tem como objetivo ajudar as pessoas a entender melhor o passo a passo da meditação e como dar o primeiro passo ruma a esta mudança interior.

Eu já li alguns artigos sobre o assunto e acho muito interessante! Vale a pena pesquisar e praticar 🙂 

Corpo e Bem Estar / Publieditorial

4 dicas que vão ajudar você a lidar com a ansiedade

Seja em uma entrevista para um novo emprego, em situações complicadas – como conhecer os pais de uma nova namorada – ou até mesmo batalhando contra o tédio e ansiedade em competições esportivas, em algum momento todos nós nos deparamos com situações em que temos que aprender a lidar com a ansiedade.

Existem diversas maneiras de fazer isto e, pensando nisso, separei as melhores dicas para acabar com a ansiedade antes mesmo dela surgir:

Fonte: Max Pixel

Alimentação Saudável

Alimentos são o combustível do corpo e o velho ditado “você é o que você come” não poderia ser mais verdadeiro. Esta dica é exatamente tão simples quanto “Se você se alimentar mal, se sentirá mal. Se você se alimentar bem, se sentirá bem.”

Manter uma dieta rica em proteínas, gorduras saudáveis – como castanhas e azeite extra-virgem – com diversos vegetais não apenas vai te ajudar a combater a ansiedade e outros problemas de saúde, como também te deixará mais ativo e disposto para encarar o que quer que seja.

Como é difícil preparar comidas saudáveis todo dia, uma tática que eu adotei e achei muito útil foi preparar toda a comida para a semana no domingo e comprar alguns pacotes de castanha de caju e similares para lanches durante o dia.

Fonte: Max Pixel

Sono Regulado

A maneira mais efetiva de ter certeza que você terá uma boa noite de sono – e de quebra aprender várias coisas interessantes – é desligar todos os aparelhos eletrônicos e ler um livro pelo menos duas horas antes de dormir.

Para muitos parece uma tarefa impossível, né? Mas pode ter certeza que só te trará benefícios!

Fonte: Pexels

Meditação Diária

Acredita que apenas vinte minutos diários de meditação são capazes de diminuir significativamente os níveis de estresse e ansiedade?

Para quem está apenas começando na prática ou simplesmente quer economizar tempo, eu recomendo o uso de aplicativos, podcasts ou vídeos de meditação guiada no YouTube. Super funciona!

Fonte: Pexels

Exercícios Físicos

Já falei muito aqui sobre como me esforço para praticar exercícios e como esta é uma das maneiras mais fáceis e prazerosas de lidar com a ansiedade e manter o corpo saudável.

Os melhores tipos de exercício são treinos pesados de musculação e corridas intensas de curta duração. Entretanto, até mesmo outros tipos de treino trarão bons resultados e o importante é encontrar um que se adeque ao seu estilo pessoal que você consiga manter.

Adquirir o hábito pode ser difícil mas quando você começar a sentir os benefícios garanto que não vai querer parar!

Tenho certeza que se vocês seguirem estas dicas verão resultados impressionantes em pouco tempo! 😉

Corpo e Bem Estar

Os benefícios do consumo de suplementos

Tenho certeza que em algum momento da sua vida você já ouviu falar de suplementos alimentares. Hoje em dia é muito normal ver pessoas fazendo uso de algum suplemento, seja para ter uma alimentação mais saudável ou para potencializar os efeitos dos exercícios físicos.

Se você é daquele tipo de pessoa que pensa que suplemento alimentar é anabolizante ou “bomba”, como muitos chamam, está totalmente enganado! Muitos não sabem, mas essas substâncias são capazes de fornecerem vitaminas, carboidratos, sais minerais e proteínas que, muitas vezes, não conseguimos obter em quantidade suficiente por meio da alimentação.

O suplemento quando usado da forma correta apresenta inúmeros benefícios para a nossa saúde. Conversei com a Agni Salobreña, farmacêutica responsável pelo desenvolvimento de novos produtos da Global Suplementos, e selecionei algumas vantagens de incluir os suplementos alimentares na sua dieta.

Suprem a carência de nutrientes

Não há dúvidas de que o melhor a se fazer para ter uma vida saudável é através de uma alimentação variada, rica em frutas, folhas e legumes, mas com os dias cada vez mais corridos e cheio de compromissos, acaba sendo difícil manter uma alimentação adequada, não é mesmo?

Eu mesmo às vezes acabo me rendendo à praticidade dos alimentos industrializados e semi-prontos, como os congelados e até mesmo os fast-foods. Como consequência dessa má alimentação, acabamos não conseguindo ingerir a quantidade certa de nutrientes essenciais para o bom funcionamento do organismo, desenvolvendo uma carência dessas substâncias.

Para suprir essa necessidade é recomendado o uso de suplementos alimentares, como os vitamínicos, por exemplo.

Otimizam os resultados de atividades físicas

Os suplementos alimentares também são indicados aos praticantes de atividades físicas, isso porque ajudam a melhorar o desempenho e encurtar o tempo de recuperação muscular, proporcionando nutrientes essenciais como: vitaminas, minerais, fibras, ácidos graxos ou aminoácidos, que podem estar faltando ou podem não estar sendo consumidos em quantidade suficiente na dieta diária. Assim, é importante lembrar que os suplementos não substituem a dieta normal, apenas complementam essas necessidades nutricionais. Os suplementos mais consumidos por quem pratica exercícios físicos são aqueles a base de proteína, pois auxiliam na reparação e crescimento dos músculos. Dentre os mais famosos está o Whey Protein.

Ajudam a manter a boa forma

Além dos benefícios proporcionados a saúde, alguns suplementos também contribuem com a estética e o emagrecimento. Os óleos funcionais atendem muito bem a essa expectativa, impulsionando a queima de gordura corporal com os aditivos de sua composição. O Óleo de Baru, por exemplo, graças à presença dos ômegas 3, 6 e 9, é um excelente aliado na luta pela redução de medidas na região abdominal. Tais elementos atuam como catalizadores na queima de gordura em determinadas regiões como barriga, cintura e quadril. Além disso, ele aumenta a atividade das enzimas antioxidantes e desempenha um papel importante na redução do estresse, um dos principais agentes causadores do ganho de peso.

 

Como vocês puderam perceber, a suplementação alimentar tem inúmeras vantagens quando aplicada de forma correta. Por isso, vale a pena ressaltar que seu uso deve ser feito sempre com o acompanhamento de um nutricionista. O exagero no consumo de suplementos pode ter consequências graves como a sobrecarga de alguns órgãos do corpo e seu uso inadequado também pode fazer você engordar ou não ter efeito algum.

Suplemento não faz milagre, portanto é preciso praticar exercícios físicos! 😉

Corpo e Bem Estar / Publieditorial

Minha rotina saudável com #10DiasSemDesculpas

A verdade é que quando o assunto é ter uma rotina mais saudável, com exercícios físicos frequentes e uma dieta alimentar, sempre surgem diversas desculpas para adiar o início desta nova rotina de vida.

Muitas pessoas precisam de um incentivo, seja de um amigo, de um familiar ou até mesmo de campanhas nas redes sociais. O que importa é você tomar coragem e ir em frente!

Se você estava em busca de um empurrãozinho para começar este desafio, a hora é agora!

Este tênis que estou usando é o Asics Gel Flux 2. Super leve e confortável, perfeito para quem gosta de correr!

O que eu acho bacana é que no Black Friday é possível encontrar diversas lojas com preços ótimos. Ou seja, esta é uma ótima oportunidade para comprar os produtos necessários para praticar exercícios físicos com segurança.

E é exatamente por isso que apresento a vocês a campanha #10DiasSemDesculpas, onde a Authentic Feet incentiva uma vida mais saudável com superdescontos durante o Black Friday! Agora você não tem mais desculpas para não ir correr no parque com os seus amigos, ou pedalar pela cidade. É hora de aproveitar os preços baixos, comprar os acessórios que precisa e se mexer!

Dá para você comprar tanto online, como em uma das 90 lojas físicas da rede espalhadas pelo país!
Se você tem um amigo que está precisando de um incentivo para começar a treinar, avisa ele que está rolando superdescontos na Authentic Feet e #PartiuTreinar 😉

Corre que é só até o dia 02/12, heim?!

Corpo e Bem Estar

Diet, light ou zero: qual o produto ideal para você?

As pessoas estão cada vez mais preocupadas em manter a boa forma. Devido a isso, muitos acabam comprando produtos diet, light e zero no supermercado, sem ao menos saber as principais diferenças entre eles.

Esses produtos causam muitas dúvidas. Por isso conversei com a Filomena Benfattifiz, que é formada em engenharia de alimentos, e fiz esse post para você entender quais são as principais diferenças e qual é o mais adequado para cada caso 😉

Diet

Os produtos diet apresentam modificações especiais para se adequar a diferentes dietas ou necessidades metabólicas, como diabetes, hipertensão, etc. São os produtos que se destinam a pessoas com algum tipo de doença que as obrigam a controlar ou mesmo suprimir a ingestão de algum nutriente normalmente presente na dieta. Um produto diet em açúcares, pode não ser o mais indicado para perda de peso, uma vez que pode ser mais calórico que os produtos convencionais. É importante neste caso ver quantas calorias a porção daquele alimento vai proporcionar e compará-la com o alimento convencional.

Light

O alimento light possui uma redução mínima de 25% das calorias ou de algum nutriente em relação ao original, como gordura, açúcares ou sódio. Seu consumo é indicado para pessoas que precisam reduzir o teor destes elementos na alimentação. Para quem tem como foco o emagrecimento, é importante se atentar aos rótulos, pois a redução calórica pode ser muito pequena em alguns alimentos. Um bom exemplo são alguns pães light que, apesar de apresentarem um teor reduzido de gorduras, são quase tão calóricos quanto os tradicionais.

Zero

Já o produto zero indica o alimento com restrição ou isenção de algum nutriente em comparação com a versão tradicional. Para existir a alegação de, por exemplo, “Zero Açúcar” o produto pode apresentar no máximo 0,5 gramas de açúcar em 100 gramas do alimento pronto para o consumo. Os produtos sem adição de açúcar (sacarose) podem conter açúcares normalmente presentes nos outros ingredientes como a lactose (presente no leite), a frutose presente em frutas e outros mono e dissacarídeos presentes naturalmente nos ingredientes utilizados na fabricação do produto.

Vale ressaltar que é super importante manter o acompanhamento de um nutricionista e o mais importante do que conhecer as principais diferenças entre os produtos é saber consumi-los, fazendo com que atendam às necessidades de cada um 😉

Corpo e Bem Estar

Como emagreci 10 quilos em 2 meses

Ultimamente tenho lido muitos comentários nas minhas fotos dizendo “Nossa, como você está magro!”, “Que dieta você fez?”, “Emagreceu heim?!”. Sim, isso de fato aconteceu!

No início de julho fui atrás de um nutricionista esportivo com o objetivo de reeducar a minha alimentação e melhorar o meu desempenho na academia.

Após uma série de exames, o nutricionista passou um treino e dieta específica para o meu corpo.

Foram 2 meses seguindo rigorosamente a dieta que era super restrita. Tive que cortar todos os carboidratos da minha alimentação, pois os carboidratos transformam-se em açúcares durante a digestão, aumentando a taxa glicêmica, ou seja, contribuem para o ganho de peso.

As minhas refeições principais se resumiam em: frango, peixe e brócolis. As refeições menores – café da manhã, lanche da tarde e ceia – eram compostas por farinhas (chia, linhaça e aveia), amêndoas, peito de perú e claras de ovo.

Doces? Nem pensar! O único dia que estava ‘liberado’ comer doces era no day off, mais conhecido como o dia de comer porcaria.

Mas lógico que não podia comer tudo o que queria. Mesmo no day off era preciso ter cautela e foco. Sem abusos!

Outra coisa que não podia de jeito nenhum era refrigerante e bebidas alcoólicas.

Confesso que não foi nada fácil resistir as tentações, mas o resultado é compensador.

Dá só uma olhada no antes e depois:

Agora tem outro grande desafio pela frente que é continuar se alimentando da maneira correta – de três em três horas – e focar no próximo objetivo: ganhar massa magra.

Se você tem um objetivo, tenha foco e força de vontade que você alcançará e se surpreenderá! E lembrem-se que quando o assunto é dieta e atividade física é muito importante ter o acompanhamento de um nutricionista e de um profissional de educação física junto.

Em breve volto com mais detalhes da minha rotina saudável! 😉

Corpo e Bem Estar

Musculação vs. Treinamento Funcional

Quando o assunto é atividade física, sempre surgem dúvidas. O que devo fazer: aulas de musculação ou treino funcional?

Apesar de muitas pessoas pensarem que ambas atividades trabalham o corpo, cada uma delas tem um objetivo diferente. Entenda quais são! 😉

Musculação

A musculação é perfeita para quem pretende ganhar força e resistência. Os exercícios são praticados com cargas altas e equipamentos específicos, trabalhando vários grupos musculares de forma isolada, causando a hipertrofia (crescimento dos músculos).

Treino Funcional

Já o treinamento funcional tem como foco os movimentos naturais do corpo, como pular, correr, puxar, agachar, girar e empurrar. Cordas, elásticos e pesos leves, estão entre os equipamentos usados para este tipo de treino.

Os exercícios dão força, equilíbrio, flexibilidade, condicionamento, resistência e agilidade. Sem contar que ele tira a pessoa dos movimentos “robotizados”, como acontece na musculação.

A principal vantagem é que o treino funcional trabalha o corpo inteiro, ao contrário da musculação que trabalha músculos isolados.

 

Agora que você já sabe as diferenças entre musculação e treino funcional, é só separar alguns minutinhos do seu dia e praticar.

O seu corpo agradece! 🙂

Lançamentos / Testei

Testei: Dorflex IcyHot RollOn

Hoje em dia é praticamente impossível achar alguém que não tenha dor nas costas, né? Eu mesmo vivo reclamando de dores no corpo, principalmente agora que voltei a malhar.

Para isso, resolvi passar na farmácia e buscar novos produtos para amenizar essas dores e foi ai que acabei encontrando o Dorflex IcyHot RollOn.

Sempre tomei o Dorflex em cápsula quando tenho dores no corpo/dor de cabeça – apenas quando as dores são insuportáveis, pois não é aconselhável tomar remédio sem necessidade e por conta própria – mas até o momento não sabia que eles tinham lançado a versão  RollOn, que é super prático.

Logo que você passa o produto na pele, você sente imediatamente a sensação de resfriamento do local aplicado. Em menos de 2 minutos, a sensação muda completamente! Você sente a pele aquecendo e o produto fazendo efeito. Por incrível que pareça, o alívio da dor é quase que imediato. É ótimo!

Se você tem a pele muito sensível, pode ser que você sinta um desconforto nos primeiros momentos, porque a sensação de aquecimento é bem forte. Caso você não tenha esse tipo de problema, vai gostar bastante do produto 😉

Resumindo: se você tem contusões, dores musculares, torcicolos ou até mesmo cãibras, vale super a pena comprar esse produto. Eu pesquisei em 2 farmácias populares e a média de valor é R$ 18,00.

Assim que eu testar novos produtos, venho aqui compartilhar a minha opinião com vocês!

Abraço